Como é realizada a correção da redação Fuvest

Compreender como é realizada a correção da redação Fuvest é importante para o candidato que deseja alcançar uma boa nota na produção do texto. Separar um tempo para analisar as instruções da banca deve ser o primeiro passo.

Conteúdo produzido por Corrija-me - Correção de Redação Em Bancas e suas Redações

Vai prestar vestibular e deseja saber quais são os critérios avaliados na correção da redação Fuvest? Acompanhe o artigo e saiba mais!

Compreender como funciona o processo de análise e as competências de avaliação na correção da redação Fuvest é o primeiro passo para obter uma boa nota no exame. Isso porque, a partir dessa compreensão, é possível estudar bem os critérios e treinar para segui-los de forma adequada.

Vale ressaltar também que a Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest) pede a produção textual no modelo dissertativo-argumentativo, semelhante ao que é solicitado pelo Enem, mas como é realizada a correção da redação Fuvest? Veja a seguir:

Quais são as exigências cobradas na redação da Fuvest?

Além do formato indicado, a Fuvest também solicita que os participantes elaborem um texto de, no mínimo, 20 linhas e, no máximo, 30 linhas. Deve-se salientar também que o texto deve conter título. Trata-se de uma diferença quanto ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em que essa premissa não é obrigatória. A escolha do título deve sintetizar o tema apresentado ao longo do texto. Com toda a certeza, isso será avaliado pelos corretores da redação Fuvest.

No mais, o estudante deve demonstrar um bom repertório sociocultural, bem como a capacidade de argumentar em torno do assunto em questão e também de apresentar um texto claro e conciso, de acordo com a norma formal e através dos mecanismos da língua portuguesa.

redação fuvest

Os principais critérios de correção

Assim como no Enem, a Fuvest elaborou uma grade com as regras gerais que serão avaliadas pelos corretores. Separar um tempo para estudá-las será imprescindível para que o candidato alcance uma boa nota.

Em primeiro lugar, é preciso estar atento ao desenvolvimento adequado do assunto e organizá-lo de acordo com a estrutura do texto dissertativo-argumentativo (Critério 1). Nesse caso, é preciso adequar a produção ao gênero, inserir informações relevantes e argumentar de maneira eficaz.

Ademais, o segundo aspecto a ser averiguado é a coerência das informações propostas e a capacidade de conectá-las ao longo do texto (Critério 2). Afinal, não adianta apenas soltar argumentos no texto sem se preocupar em dar um sentido e articular o que está sendo dito.

Neste item, é importante que o aluno use conectores  (conjunções, advérbios e pronomes), para dar sentido ao texto. A organização também deve ser uma prioridade.

Por fim, o terceiro e último critério oficial de análise é a gramática e adequação ao vocabulário (Critério 3). Neste quesito, um bom português, uso da norma culta, pontuação e ortografia deverão ser bem utilizados para que o candidato garanta a nota almejada. Lembre-se também de que detalhes como caligrafia e título serão avaliados dentro desses itens expostos.

Saiba mais sobre esses critérios: Como funciona a redação da Fuvest?

Como as notas da redação Fuvest são aferidas?

Dentro dos três aspectos indicados, os corretores avaliam com notas entre 1 a 5. No entanto, o primeiro critério é multiplicado pelo fator 4, enquanto que o segundo e o terceiro, fator 3. Dessa forma, totaliza-se a nota máxima 50.

Para melhor compreensão, daremos um exemplo:

Se, no critério 1, o aluno recebeu a nota 5, esta deve ser multiplicada por 4. 5×4=20. Neste sentido, o aluno receberá 20 (nota máxima) no primeiro critério. Sendo assim, os cálculos funcionam da seguinte forma:

Critério 1

Fator de multiplicação é 4.

4 x 5 = 20 pontos

Critério 2

Fator de multiplicação é 3.

3 x 5 = 15 pontos.

Critério 3

Fator de multiplicação é 3.

3 x 5 = 15 pontos.

Fuvest redação

O que pode gerar um zero na correção da redação Fuvest?

Outro aspecto importante a ser analisado pelos participantes é: o que pode desclassificar uma redação Fuvest?

De fato, alguns erros podem levar às redações a serem zeradas. As redações que estiverem em branco, por exemplo, entram dentro dessa premissa. Além disso, caso haja fuga ao tema, ou o candidato não escreva de acordo com a estrutura solicitada pela banca (dissertativo-argumentativo), a sua nota final também será zero.

Ademais, caso o aluno também escreva menos do que a quantidade mínima, ou seja, menos de 20 linhas, a redação também será zerada. Por fim, o participante que acrescentar informações fora do tema proposto, sejam de origem verbal ou visual, também terão nota 0.

Fique atento a essas regras. A ideia é seguir as instruções e a cartilha de forma adequada, a fim de que não haja esse tipo de problema. Afinal, após muito estudo e dedicação, o objetivo é receber nota máxima!

Aulas ao vivo de redação

Treine muito e mantenha a tranquilidade!

Além de entender como é realizada a correção da redação Fuvest, uma boa dica para os participantes que prestarão esse exame é treinar muito. Isso porque só a prática leva à perfeição. E mais: quanto mais treinado você estiver, maior será a tranquilidade ao realizar a redação. Por consequência, melhores serão estruturados os argumentos e melhor será a nota alcançada.

Após entender um pouco mais sobre a correção da redação Fuvest, chegou a hora de iniciar os estudos com sucesso, não é mesmo? Para ajudá-lo nessa jornada, a plataforma Corrija-me – Ensino de redação oferece uma série de dicas, correções e revisões de redação. O nosso objetivo é proporcionar todo o suporte que o participante precisa para garantir uma boa nota na redação Fuvest.

Conheça nossos planos e escolha o ideal para você!

 

 

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.