10 técnicas de memorização que ajudam a fixar o conteúdo estudado para redação

Com uma elevada carga de matérias para serem estudadas em um tempo muito curto, memorizar conteúdos pode ser um desafio e tanto, principalmente para estudantes que possuem outras atividades cotidianas. Sendo assim, separamos algumas dicas para que você possa conseguir memorizar o conteúdo para a sua redação em menos tempo.

Conteúdo produzido por Corrija-me - Correção de Redação Em

Em meio a tantas exigências para a construção de um texto dissertativo-argumentativo, como, por exemplo, respeitar o tema e desenvolver uma escrita fluida e clara, o estudante se depara com outro problema: a grande quantidade de informações que recebe todos os dias. Claro que ter acesso e não absorver essas informações em nada vai adiantar no momento de construir uma redação. Assim, é importante aprender técnicas de memorização.

Se você está no time de alunos que enfrenta esse problema, saiba que não é o único. Logo, a alternativa é seguir em frente, mesmo em meio às dificuldades para obter o melhor resultado.

Para ajudá-lo com isso, trouxemos hoje, nesse post, 10 técnicas de memorização que poderão facilitar a sua rotina de estudos. Acompanhe-nos até o final para saber mais.

As 10 principais técnicas de memorização 

1 – Procure estudar sempre no mesmo horário 

técnicas para memorizar

A aprendizagem de novos conteúdos requer, acima de tudo, treinamento do cérebro. Para isso, ele deve ser condicionado a criar hábitos. 

Logo, a melhor forma de fazer isso é estudando no mesmo horário, já que esse hábito faz com seu cérebro entenda que é o momento de estudar, conseguindo se concentrar melhor no conteúdo.

2 – Faça resumos 

Outra técnica de memorização que ajuda muito é fazer resumos enquanto você estuda. Dessa forma, você faz com que seu cérebro treine mais, o que irá facilitar a memorização.

Lembre-se, no entanto, de que não se trata de copiar o conteúdo, mas sim, resumi-lo, o que fará com que você o assimile muito mais rápido.

3 – Fazer e escutar gravações 

Utilizar todos os sentidos do seu corpo é uma excelente forma de memorizar as coisas. Desse modo, sempre que possível, faça gravações e depois as escute enquanto faz outras tarefas que não recrutem o nível de concentração que os estudos exigem. Por exemplo, enquanto lava louças, ouça uma das gravações. Isso fará com que você dê um estímulo na sua memória auditiva.

4 – Desenvolva esquemas visuais 

 

organograma para memorizar

Os mapas mentais e diagramas permitem uma visualização mais ampla do conteúdo. Além disso, enquanto você os elabora, também está absorvendo toda a matéria e oferecendo mais estímulos para a sua memória visual.

5 – Utilize flashcards 

Esta também é uma ótima técnica de memorização em que você elabora cards com perguntas e respostas sobre os temas estudados.

É simples, basta que em um lado do cartão você coloque a pergunta e de outro lado a resposta, tire os cartões de formas sortidas e tente respondê-los.

Aulas ao vivo de redação

6 – Releia as informações 

Para memorizar algo, ler apenas uma vez não é o suficiente, por mais atento que você seja. O importante é reler as informações algumas vezes, mas de maneira consciente, ou seja, tentando captar detalhes da leitura a que você não havia se atentado na leitura anterior.

7 – Crie associações

técnicas para memorizar conteúdo

Uma ótima forma para utilizar alguma habilidade que você tem a seu favor é criando associações. O que isso quer dizer?

É natural que as pessoas tenham algum sentido mais aguçado e aprendam melhor por ele. Por exemplo, algumas pessoas aprendem melhor escutando, outras lendo e ainda existem aquelas que conseguem absorver melhor o conteúdo assistindo a algo. 

Dessa forma, descubra através de qual forma você aprende melhor e crie sua associação. Faça músicas com os temas, desenvolva acrósticos, utilize palavras-chave e tudo aquilo que facilite a sua memorização. Não tenha medo de ser criativo.

8-  Relacione conceitos através de uma trajetória 

Entre as técnicas de memorização está a utilização da trajetória. 

Para isso, imagine uma cronologia de espaço e tempo em que as coisas acontecem e vá organizando as informações.

9 – Assista a filmes e documentários sobre o que você está estudando 

Certamente, existem filmes e documentários sobre o tema que você está estudando e isso pode complementar o seu raciocínio, dando-lhe uma visão mais ampla sobre o assunto e fazendo com que assimile melhor todas as informações.

10- Memorize ensinando 

Uma das melhores técnicas de memorização, pois enquanto você ensina, também está praticando e relembrando tudo aquilo que viu.

Por isso, ao participar de grupos de estudos, tome sempre a atitude de ensinar.

Fique atento!

Memorizar e decorar são situações completamente diferentes. 

Decorar um conteúdo se trata de um processo mecânico de repetição, sem que haja análise ou compreensão do cérebro. Pode ser eficiente em algumas situações, mas para os estudos não é algo recomendado, já que em poucos dias as informações são esquecidas.

Já a memorização é diferente, pois se trata de um processo consciente de leitura e compreensão do conteúdo. É, portanto, um caminho mais demorado, porém com resultados que realmente fazem a diferença, já que o conteúdo assimilado pode ser utilizado pela vida toda.

Logo, memorizar é o melhor caminho para que você desenvolva uma boa redação, garantindo que ela tenha os argumentos necessários para sustentar aquilo que você diz dentro de uma perspectiva concreta e racional.

Avalie sua memória treinado com o Corrija-me 

Para saber se as suas técnicas de memorização realmente têm dado resultado, é importante treinar e ter uma resposta objetiva. Aqui no Corrija-me, você tem isso!

Para ajudar nossos alunos de maneira mais efetiva, montamos diversos cursos de redação que se adequam exatamente ao estágio de aprendizado de cada um. Por isso temos cursos como: Iniciante, Básico, Intermediário e Avançado de redação. Faça seu cadastro aqui de graça e assista a algumas aulas de redação grátis.

 

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.