10 modelos de introdução para redação

Aprender quais são os 10 modelos de introdução para redação é essencial e facilita bastante o leitor a identificar o assunto, assim como permite que se deixe claro sobre o que irá discorrer na argumentação. Veja cada um dos modelos e descubra qual o melhor para o seu estilo.

Conteúdo produzido por Corrija-me - Correção de Redação Em Redação Dissertativa

Aprender quais são os 10 modelos de introdução para redação é fundamental para tirar uma excelente nota. No entanto, é uma das principais dificuldades enfrentadas pelos alunos e que, se mal feita, pode prejudicar muito a sua nota.

A grande questão é entender que a introdução serve para apresentar o tema ao leitor e precisa ser instigante. Introduzir ao assunto é desafio e é importante encontrar maneiras de entregar um bom texto final.

A proposta deste conteúdo é mostrar alguns modelos de introdução para redação que facilitem o desenvolvimento. Dessa forma, selecionamos 10 maneiras diferentes e que você precisa avaliar qual é a que se encaixa melhor à sua escrita.

Quais são os 10 modelos de introdução para redação?

Em primeiro lugar, é bom deixar claro que a introdução deve se encaixar ao seu modo e também com a banca e o tema proposto, assim, cada modelo de introdução para redação atende melhor a alguns assuntos. Cabe, pois, a você verificar a coerência. Mas para isso, vamos conhecer melhor as nossas sugestões.

1.    Citação

Este modelo é útil quando o aluno conhece uma citação relevante sobre o assunto, pois serve como gancho para iniciar o texto. Vale lembrar que deve utilizá-la logo na contextualização, ou seja, no primeiro período do parágrafo introdutório.

Veja um exemplo com o tema “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil” (Enem 2016):

Segundo a ativista e escritora norte-americana Helen Keller, “o resultado mais sublime da educação é a tolerância”. No entanto, infelizmente, na atual conjuntura brasileira, esta se faz distante, principalmente no âmbito religioso, no qual ficam evidentes as várias manifestações de discursos de ódio. Nesse sentido, resta analisar a problemática para propor medidas capazes de minimizá-la.

2.    Conceituação

A introdução para redação com conceituação é uma das mais utilizadas. O objetivo é explicar um termo e demonstrar a importância dele para o tema.

Para tornar as ideias mais claras, segue um exemplo baseado na proposta Enem 2020 – “Estigmas associados às doenças mentais na sociedade brasileira”.

Estigma é um termo utilizado para determinar qualquer tipo de marca ou preconceito culturalmente difundido e que deprecia algo ou alguém. No tocante às doenças mentais, percebe-se que, no Brasil, isso se faz muito presente e representa um grande entrave para o tratamento daqueles que são acometidos por depressão e ansiedade. Portanto, urge que se discuta sobre o assunto para propor medidas capazes de reduzir o impasse.

3.    Séries e filmes

Faz uso de uma série ou filme para localizar o leitor sobre o assunto que será abordado e se mostra muito atrativo.

Esse modelo de introdução para redação é bastante prático e cria um vínculo com o leitor, dada a atualidade das obras que podem ser usadas.

Confira um exemplo disso com o tema “A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira”:

No longa-metragem “Acusados” (1988), Sarah Tobias é brutalmente violentada por três homens e, apesar de ter provas, tem a sua integridade questionada, sendo responsabilizada pelo ato. Fora da ficção, ainda são inúmeros os casos de violência contra a mulher que persistem mesmo diante de leis que visam à sua proteção no país. Sabendo-se disso, é fulcral por a questão em debate para buscar medidas eficazes em seu combate.

4.    Legislação

Para este modelo, a introdução é iniciada com a menção a uma lei a qual deve ser contraposta, para mostrar que existe um descompasso entre a teoria e a prática. Veja o exemplo abaixo para ter uma ideia mais clara de como isso poder ser feito.

De acordo com a Constituição Federal de 1988, no seu artigo 205, é dever do Estado garantir acesso à educação. Entretanto, nem todas as escolas possuem uma tradutora de libras e, por consequência, atrapalham o acesso de deficientes auditivos ao ensino.

Veja como fazer uma redação dissertativa

Usar o recurso da alusão histórica é uma forma de iniciar a introdução para redação

5.    Alusão histórica

Trata-se de uma boa opção e demonstra conhecimento sobre fatos históricos. Em uma redação sobre “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil” (Enem 2016), ficaria assim:

No processo de colonização do Brasil, a visão eurocêntrica e a imposição do catolicismo sobre os povos subjugados fez com que, durante muito tempo, as culturas de matriz indígena e africana sofressem com o preconceito. Infelizmente, na atualidade, percebe-se que essa herança ainda é latente e tem como reflexo diversos casos de intolerância religiosa. Faz-se urgente, portanto, um amplo debate sobre o assunto para encontrar caminhos para o seu combate.

6.    Narração não-ficcional

Aqui é o momento de você utilizar aquele fato importante que foi noticiado e que ganhou repercussão nacional. Nesse caso, é importante estar muito atualizado e ter em dia a leitura dos periódicos. Veja abaixo um exemplo a partir do tema de redação da Unesp 2018 – “Liberar o porte de armas de fogo a todos os cidadãos diminuirá a violência no Brasil?”

Em 2020, a jovem Isabela Ramos foi alvejada e morta tragicamente  por uma amiga também menor de idade. Esta, apesar de pertencer ao grupo de CACs (Caçadores, atiradores e colecionadores), imprudentemente, tirou a vida de uma amiga. Tal aspecto não é isolado e tem se tornado frequente à proporção que há uma flexibilização do porte de armas. Logo, verifica-se que  liberá-la para os civis apenas ampliará a violência já crítica no Brasil.

7.    Método dedutivo

Certamente é uma das formas mais práticas e também que funciona perfeitamente em qualquer tema de redação. O seu princípio é de introduzir o assunto de uma dada visão geral para a particular. Para entender melhor essa dinâmica, analise o exemplo abaixo, a partir do tema da Famema 2020 – “A redução da maioridade penal pode colaborar para a redução da violência no Brasil?”

Na atualidade, o Brasil vem sendo acometido por uma crescente onda de violência. Tal aumento é muitas vezes associado a ações de delinquentes juvenis e por isso mesmo que a sociedade tem levantando cada vez mais a necessidade de se reduzir a maioridade penal de 18 para 16 anos, com o fito de inibir a ação de jovens. No entanto, essa medida não é capaz de combater a criminalidade, estando muito distante de uma efetiva contribuição para o país.

Cabe verificar que essa introdução foi feita em três períodos, cada qual com uma função específica. O primeiro dá uma visão macroscópica do assunto; o segundo insere especificamente o problema; o terceiro apresenta a tese e define a posição que será assumida pelo redator.

 

8.    Referência mitológica

É considerado por muitos como um dos melhores meios para introduzir, porque  várias redações nota mil se valeram desse recurso.  Para entender melhor, veja o modelo abaixo baseado na prova Enem 2019 – “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”.

Na mitologia clássica, Ulisses, após protagonizar a vitória dos gregos sobre os troianos, foi punido pelos deuses a não regressar mais ao seu lar, no entanto, mesmo tendo de lutar por vários anos, conseguiu voltar aos braços de sua família. Análogo aos desafios do herói, verifica-se que o país passa por um dilema difícil: a democratização do acesso às salas de cinema. Portanto, é crucial compreender as causas e as consequências do impasse para propor medidas cabíveis a sua superação.

Ebook: 50 Intertextos para uma redação perfeita - Repertório para redação.

9.    Analogia

Este modelo de introdução para redação propõe uma criativa comparação entre um determinado assunto e o tema. Aqui cabe usar de sua criatividade que adiciona preciosos pontos para o índice de autoria. Veja com mais clareza a partir de um exemplo baseado no tema ITA 2016 – “ A formação universitária e o mercado de trabalho”.

O organismo humano funciona como uma máquina dinâmica em que o equilíbrio das funções biológicas é fundamental para a manutenção da vida. Análogo a isso, têm-se as relações sociais relativas ao mercado de trabalho e a formação superior, uma vez que existe uma íntima correlação entre ambos em que o primeiro precisa absorver o segundo para o equilíbrio. Nesse sentido, é pertinente avaliar as condições atuais dessa dilemática no Brasil do século XXI.

10. Referência literária

Este tipo de introdução é muito eficaz e traz um repertório de pronto que surpreende o corretor. Para realizá-lo, é preciso se lembrar de uma obra que você leu e que tem uma íntima relação com o tema. Olhe o exemplo que se segue, pautado no tema de redação FAMERP 2019 – “Obrigatoriedade da vacinação: entre a prevenção a doenças e o respeito às escolhas individuais”.

A obra “Capitães da Areia, do renomado Jorge Amado, contextualiza a cidade de Salvador em meados do século XX, momento em que há um surto de varíola que acaba preocupando diversas autoridades sanitárias e muitos cidadãos, com receio das medidas governamentais, recusam-se a se submeter ao tratamento recomendado. Análogo à ficção, verifica-se que hoje o país é acometido por um crescente movimento antivacina, o qual questiona a sua validade e defende o direito de escolha individual. Nesse sentido, resta analisar a problemática a fim de sanar as dúvidas mais pertinentes.

Utilize os modelos de introdução para redação e os serviços da nossa plataforma de correção para escrever melhor

Por fim, já pensou em aprender a criar uma redação com todos os detalhes? Basta visitar o site da nossa plataforma e ter acesso aos nossos cursos e correções de redação.

Crie redações, envie para a nossa equipe de corretores especializados e receba uma correção detalhada.

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *